Stakeholders: conheça-os e saiba como gerenciá-los

O que é realmente importante para aumentar o resultado de sua organização? (Foco nos Stakeholders)

EBTIDA, margem de EBTIDA, lucro líquido, margem líquida, valor econômico adicionado, fluxo de caixa livre… Óbvio! Mas o que parece não ser tão óbvio para muitas organizações é entender quais são os stakeholders importantes para sua sustentabilidade financeira. Portanto, este texto busca esclarecer quais são esses stakeholders e dar direcionamento para a execução dos planos de ação necessários para impulsionar seus resultados. 

Clientes, funcionários, sociedade e acionistas são as partes interessadas nas ações de sua empresa e seus resultados. Raramente é tarefa fácil coordenar os interesses de todos e obter satisfação simultânea, mas é possível balanceá-los. Portanto, vamos entender um pouco melhor sobre cada um dos stakeholders. 

Clientes

Os clientes de uma empresa são aqueles que consomem seus produtos ou serviços de acordo com o valor que neles enxerga. Pode-se fidelizá-los por meio de valores abaixo do mercado, mas isso significa maior esforço para obter menor (ou nenhum) lucro. Uma outra alternativa é o controle de qualidade com a utilização de metodologias estatísticas, como o Seis Sigma, com foco nas características relevantes para o cliente. Essas características podem ser levantadas por meio de uma pesquisa de satisfação ou de mercado. 

Funcionários

Os funcionários são aqueles que exercem uma função dentro de uma organização e são retribuídos. Sabe-se que o tempo e investimento despendido no treinamento de colaboradores não é pouco. Portanto, a permanência destes dentro das empresas deveria ser valorizada. A falta de valorização resulta em alta rotatividade, que sai cara e gera vazamento de conhecimento. A fim de melhorar a satisfação interna, pode-se oferecer condições de trabalho saudáveis por meio da utilização de conceitos de ergonomia. Além disso, é recomendável garantir oportunidades de crescimento por mérito acompanhadas por um plano de carreira, treinamentos e benefícios. 

Sociedade

A sociedade é composta por todas as pessoas que, de alguma forma, são impactadas pelas atividades da organização. Impactos negativos divulgados podem denegrir a imagem da companhia perante o mercado e, para evitá-los, basta seguir sempre um comportamento ético, sem desvios de dinheiro ou agressões ao meio-ambiente. O primeiro problema ético citado pode ser evitado com uma boa gestão financeira. O segundo, com um PGRS (plano de gerenciamento de resíduos sólidos) e com a prática constante de neutralização.

Acionistas 

Por fim, os acionistas são aqueles que, acima de todos, têm sua satisfação ligada diretamente com os resultados financeiros da organização. Mas um bom resultado só pode ser alcançado com um desdobramento de indicadores monetários para todos os níveis gerenciais. O desdobramento serve para que todos compreendam os custos de cada atividade e da falta de eficiência, que costuma ser altíssimo. A fim de mapear e otimizar processos, o recomendável é uma gestão por processos. 

Agora que você obteve essas dicas extremamente valiosas, fica o questionamento. Vai aceitar o desafio de transformar sua empresa e deixá-la cada dia mais competitiva no mercado? 

Autora: Flávia Akemi Silvério Biz Deguchi



Deixe uma resposta

Abrir Chat
1
_
Entre em contato conosco e retornaremos o mais breve possível!

Start