Um case que em 35 dias pôde alavancar um hobby e transformá-lo em um empreendimento de sucesso com o Plano de Negócios.


O projeto de Plano de Negócios consegue fornecer ao empreendedor o alicerce necessário para iniciar seus investimentos. Ele é dividido em três frentes: a Operacional, a Financeira e a de Marketing. Desse modo, cada uma dessas frentes tem papel fundamental durante todo o decorrer do processo de desenvolvimento do empreendimento.

No case que vamos apresentar, a cliente mantinha como um hobby a produção artesanal de cadernos básicos até planners e álbuns. Devido ao grande crescimento das vendas, esse hobby passou a tomar todo seu tempo, chegando ao ponto que decidiu começar a empreender em seu negócio. Porém, a rotina começou a ficar desgastante e a mesma sentiu a sobrecarga, já que realizava todos os processos, desde a produção até o financeiro.

Os problemas enfrentados pela cliente variavam desde o retrabalho na compra dos materiais necessários e na produção, até despesas geradas pela precificação incorreta do produto.

Dessa forma, ela nos contratou com o objetivo de organizar toda a sua parte processual e financeira. Assim, foi desenvolvido o projeto de plano de negócios que atuou em duas das três frentes existentes no plano de negócio: a frente operacional e a financeira.

Frente Operacional

Usando a metodologia do Design Thinking, a qual o foco é totalmente voltado ao cliente, a primeira etapa consistiu em entender os desejos da nossa cliente. Sendo assim, foi definida a melhor forma de atender suas expectativas com as entregas do projeto.

Com isso, iniciou-se a realização do plano operacional. Com o design dos processos, foram desenhadas as atividades produtivas de forma a otimizar e organizar as operações e eliminar etapas que não agregavam valor. Utilizou-se ferramentas como o fluxograma e o SIPOC para auxiliar no detalhamento do processo e visualização das entradas e saídas de forma clara.

Após o detalhamento do processo, uma ordem de produção foi estruturada para que seus processos pudessem estar organizados. Logo em seguida, foi entregue um quadro Kanban adaptado ao estilo e gosto da cliente. Com ele, pode-se obter o controle dos seus pedidos, o que facilitou a visualização do andamento do mesmo.

Finalizando a etapa do plano operacional elaboramos uma planilha de lista de compras automatizada com a metodologia de checklist. Dessa forma, possibilitando o planejamento da cliente em relação a compra de materiais, o que era um problema enfrentado anteriormente.

Quadro kanban
Quadro Kanban

Frente Financeira

Partindo para a frente financeira, pensando no controle de gastos com a compra de materiais, adicionamos, na mesma planilha de lista de compras citada anteriormente, uma aba onde a cliente conseguisse parametrizar e controlar todos os seus gastos. A partir do momento que é dado um  “check”, já é calculado, automaticamente, o valor que será gasto em determinada compra, gerando um PDF e possibilitando a impressão da lista.

Logo após, foi realizado o cálculo do custeio, o que tornou possível a elaboração da precificação dos produtos. Esta precificação foi realizada através do custo da produção, das taxas de venda e da taxa de markup. Com isso, todos esses cálculos foram elaborados em uma planilha específica para a etapa, automatizando a precificação e possibilitando a definição da margem de lucro que a cliente gostaria de obter.

Ainda no desenvolvimento da frente, percebeu-se que a cliente precisava de uma solução para auxiliar no controle de fluxo de caixa da empresa. Para isso, foi sugerido o uso de um sistema financeiro que, além de oferecer esse controle, gera relatórios e análises de resultados.

Resultados obtidos

As padronizações e otimizações realizadas nos processos e atividades da empresa resultaram na diminuição dos retrabalhos e tempos de produção. Dessa forma, a produtividade foi elevada e o tempo de envio dos pedidos reduzido. Isto resultou no aumento do grau de satisfação dos clientes com a empresa.

Satisfeita com as ferramentas entregues a ela, a cliente passou a divulgar toda a sua forma de organização cotidiana nas redes sociais. Essas postagens, juntamente com as ferramentas desenvolvidas pela Dinâmica, fez com que o público de sua rede social passasse a enxergar a empresa como uma marca extremamente estruturada e confiável.

Em referência aos resultados do plano financeiro, por meio das entregas realizadas, a cliente é capaz de planejar os custos mensais das matérias primas necessárias para a produção e controlar o fluxo de caixa. Além disso, através do custeio dos produtos juntamente com as precificações, o empreendimento transformou o prejuízo de 6% diários que tinha em um lucro superior a 40% ao dia. Outros fatores que influenciaram nesse resultado foram as medidas adotadas no plano operacional que possibilitaram a diminuição do retrabalho e aumento da produtividade.

Diante dos resultados obtidos, o projeto da Dinâmica ainda se enquadra em um dos Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estruturados pela ONU, o objetivo número 8. Causamos impactos tanto para nossos clientes, quanto para o mundo.