(14) 99616-0299 contato@dinamicaej.com.br UEM - Maringá/PR

Matriz BCG: Entenda como gerenciar seu catálogo de produtos

Matriz BCG

A Matriz BCG consiste em uma ferramenta de planejamento de portfólio, proporcionando o desenvolvimento estratégico para alavancar os resultados da empresa através de análises de desempenho frente ao mercado.

Conseguir ser assertivo em todos os produtos e serviços que sua empresa oferece pode ser o objetivo principal de muitos negócios. Entretanto, a questão que os gestores deveriam entender é que não precisam de sucesso em todos os lançamentos, e sim, saber quais deles são promotores.

Para isso, é necessário utilizar algumas ferramentas ou métodos que proporcionem uma análise sobre o desempenho desses serviços e produtos que são ofertados, certo?

Ou seja, buscar entender como eles são aceitos e recebidos pelo mercado consumidor. Contudo, existem muitos fatores que proporcionam esse sucesso ou uma possível decadência.

Sabemos que o mercado não é estável, isto é, apresenta momentos de alta e baixa que interferem diretamente no faturamento da empresa e no retorno de investimento dos produtos.

Para conseguir ser mais estratégico, é preciso ter clareza de informações e entender as diferentes taxas de crescimento, participação, fluxo de caixa e margem de cada produto ou serviço colocado para comercialização.

Sendo assim, caso queira saber mais sobre esse assunto e entender como obter essas informações através da Matriz BCG, continue acompanhando nosso conteúdo!

Afinal, o que é a Matriz BCG?

Bom, primeiramente, antes de iniciarmos de fato nosso conteúdo, precisamos contextualizar para você o que é essa matriz.

A Matriz BCG surgiu na década de 1970, nos Estados Unidos, e foi criada pela maior empresa de consultoria: a Boston Consulting Group, cuja iniciais formam a sigla da matriz.

Basicamente, a matriz BCG tem a finalidade de identificar qual a melhor estratégia de investimentos a partir de uma análise de desempenho dos produtos ou serviços que já são ofertados.

Através da utilização da Matriz, é possível obter uma visão sistêmica do negócio. Isto é, proporciona um olhar estratégico, podendo focar em produtos potencializadores do fluxo de caixa, e dar menos atenção aos que não trazem resultados expressivos.

Sendo assim, a Matriz BCG visa passar um entendimento do momento, seja ele bom ou ruim, que cada produto apresenta no mercado.

Entendendo o funcionamento da Matriz BCG

Agora que você já sabe do que se trata essa matriz e qual sua finalidade, vamos explicar como ela funciona e como organizá-la para que as compreensões sejam possíveis.

A Matriz BCG apresenta dois eixos, sendo o eixo X referente à participação relativa, e o eixo Y, ao crescimento do mercado. Ambos apresentam duas subdivisões em alto e baixo, formando, então, quatro quadrantes.

Dentro desses quatro blocos, temos os grupos dos produtos. São eles: vaca leiteira, estrela, ponto de interrogação e abacaxi, como ilustrado abaixo.

Planilha BCG

Confira o que cada nome representa!

Vacas leiteiras

As vacas leiteiras agrupam os produtos/serviços que representam um baixo crescimento, porém uma alta participação de mercado.

São elas que conseguem alimentar o caixa da empresa sem que essa tenha que fazer muitos esforços ou demandar muitos investimentos. Basicamente, o investimento e a aposta foram feitos anteriormente.

Sendo assim, o foco da empresa deve ser manter a qualidade do que está sendo ofertado para que a boa imagem e boa reputação sejam mantidas também, de modo a fazer com que o nível do produto não caia e a empresa possa continuar demandando poucos investimentos.

Estrelas

As estrelas agrupam os produtos/serviços que apresentam alta participação no mercado e alto crescimento. Entretanto, diferentemente das vacas leiteiras, as estrelas exigem bastante esforço da empresa, isto é, altos investimentos.

E é exatamente aí que entra seu objetivo: as estrelas devem, futuramente, tornar-se vacas leiteiras para que a empresa tenha o retorno dos investimentos feitos.

Sendo assim, por representarem uma boa participação no mercado, elas trazem lucro para a organização e representam produtos e serviços potenciais.

Pontos de Interrogação

Já os pontos de interrogação representam os produtos que, como o próprio nome já diz, trazem incertezas e alguns questionamentos.

Os produtos classificados como pontos de interrogação possuem um alto crescimento, porém uma baixa participação no mercado. Normalmente, são produtos ou serviços que foram lançados no mercado em um curto espaço de tempo.

Desse modo, por serem produtos recentes e “frescos”, acabam representando trajetórias incertas, uma vez que a empresa deve aguardar as respostas do mercado consumidor.

Ou seja, se o produto/serviço obtiver uma boa aceitação, sua participação no mercado aumentará, e consequentemente, poderão virar estrelas.

Entretanto, caso não apresente essa boa aceitação, pode vir a tornar um abacaxi, quadrante sobre o qual falaremos logo em seguida.

Abacaxi

Os produtos ou serviços classificados como “abacaxis” são aqueles que apresentam baixa participação no mercado e baixo crescimento. Por isso, esses produtos não geram lucro significativo para a empresa.

Sendo assim, os gestores devem analisar a viabilidade de continuar investindo nesse segmento. Ou seja, será que vale a pena?

Caso esse produto demande muito capital para que seja recuperado, o ideal a se fazer e a melhor decisão a se tomar é retirá-lo de catálogo e dar espaço para outro entrar.

Entretanto, esse processo deve ser muito bem analisado pois um abacaxi pode, futuramente, trazer resultados positivos à empresa. Vale frisar aqui que a Matriz BCG serve apenas como uma base de apoio para decisões e não uma ferramenta que garante que todas elas trarão as melhores decisões.

Baixe nosso material gratuito sobre Matriz BCG preenchendo o formulário abaixo:

E qual a relação com as diferentes frentes da empresa?

Ótimo! Agora que você já conhece e entendeu o que é a Matriz BCG por completo, precisamos te mostrar como ela se relaciona com duas áreas importantíssimas da organização: o setor financeiro e o setor de marketing.

Como dito anteriormente, as vacas leiteiras apresentam uma boa reputação e uma excelente aceitação pelo público. Se você já possui algum conhecimento sobre marketing, você pode até já ter pensado nisso que vou falar agora… Mas, caso não tenha, calma pois irei explicar!

Setor de Marketing

Devida ao sucesso que esse grupo da matriz representa, ele acaba gerando muita receita para a empresa pois, na maioria das vezes, quem o consome são aqueles que já conhecem sua marca e reconhecem a qualidade do que é ofertado.

No caso do marketing, esse grupo nada mais é que os clientes fiéis e que já estão educados com o propósito da marca! Entretanto, sabemos também que as pessoas mudam seus gostos, opiniões e preferências a todo momento, principalmente no mundo atual em que soluções inovadoras surgem diariamente, não é mesmo?

Portanto, é necessário sempre se manter atento às vacas leiteiras para que elas não caiam no esquecimento… E é aí que entra a importância de dar atenção ao grupo das estrelas, uma vez que elas representam os produtos promissores e que ainda não são alvos da concorrência.

Setor Financeiro

A partir disso, podemos falar sobre o setor financeiro. Assim como já sabemos, as estrelas demandam investimentos maiores para que venham a se tornar vacas leiteiras futuramente.

Além disso, também é muito importante atentar-se às vacas leiteiras para que seu rendimento não caia e o fluxo de caixa não seja afetado. Falaremos sobre isso em breve juntamente ao ciclo de vida do produto!

Agora, uma boa forma de exemplificar a relação direta entre esses dois setores é através do quadrante dos pontos de interrogação, ou também chamados de questionamento.

Retomando o que foi falado anteriormente, esse grupo representa as incertezas de lançamentos recentes. Sendo assim, para buscar uma maior visibilidade dos produtos, uma boa opção, por exemplo, seria que o marketing investisse em anúncios para aumentar as vendas.

Entretanto, é importante ressaltar que o portfólio e as estratégias precisam ser estudados antes de serem colocados em prática para que a empresa esteja preparada para possíveis ocorrências!

Relacionado a esse tema, não deixe de checar nosso serviço de Plano de Negócios, o qual divide-se em duas frentes: operacional e financeira. Através dele, é possível desenvolver e padronizar os processos da empresa.

Além disso, é possível traçar projeções de investimento, como payback e ponto de equilíbrio, o que é fundamental para quando você deseja lançar algo novo no mercado!

Para saber mais, acesse nosso serviço aqui!

E como estruturar sua Matriz BCG?

Finalmente, chegou o momento de estruturar a Matriz BCG para o portfólio de produtos ou serviços da sua própria empresa!

Primeiramente, é importante se fazer algumas perguntas:

  • Quais produtos/serviços serão analisados?
  • Qual é o nicho do mercado que será seu foco? Isto é, quem será seu público-alvo?

A partir disso, você deve calcular seu Market Share para entender a fatia consumida. Para calculá-lo, basta dividir o resultado de venda pela venda total.

Ainda, analisar a taxa de crescimento dos produtos em questão. Para isso, é preciso comparar com pelo menos dois períodos, podendo ser uma análise mensal, trimestral, semestral ou anual.

Além disso, é ideal que os gestores façam uma comparação com a concorrência, de preferência com o maior concorrente do seu negócio. Por fim, é possível saber em qual quadrante cada produto/serviço será alocado.

Vale citar que ao alocar os produtos, é necessário levar em consideração o ciclo de vida de cada um. Assim como citado anteriormente, um produto em questionamento pode seguir dois rumos: tornar-se estrela ou tornar-se abacaxi.

Caso se torne estrela, ele pode vir a ser uma vaca leiteira, o que é o ideal. Contudo, produtos nesse quadrante podem ficar ultrapassados e deixar de trazerem os lucros expressivos para a empresa.

Vantagens de utilizar a Matriz BCG

E aí? Acredita que a utilização de forma correta dessa matriz pode ajudar a traçar estratégias assertivas? Aqui seguem algumas vantagens da Matriz BCG para você poder responder à pergunta acima.

Buscar equilíbrio

Aqui, é essencial saber equilibrar os produtos que estão em sua fase de sucesso com os que não estão tendo um bom reconhecimento no mercado.

Ou seja, é preciso saber balancear aqueles que estão gerando lucro significativo no caixa da empresa com aqueles que estão estagnados.

Alinhamento de estratégias

Também, a Matriz BCG busca entender o caminho e o rumo que cada produto está tomando frente ao mercado, para que assim, a equipe possa alinhar estratégias e planos de ação.

Melhores tomadas de decisão

Relacionando às estratégias, ao analisar e entender o desempenho de cada produto e como eles se comportam, ou seja, avaliando o dinamismo específico de cada um, é possível decidir pelas coisas de forma mais coerente e assertiva.

Análise de concorrência

Por fim, é possível entender a concorrência, como ela funciona, quais são suas estratégias aparentes e a partir disso, obter uma vantagem competitiva no mercado.

Sendo assim, no geral, a Matriz BCG possibilita saber onde (em qual produto) você deve investir, e onde você deve reduzir os investimentos, isto é, determinar qual será o foco.

Além disso, também é possível saber o que precisa ser otimizado, onde carece de inovações, e o que pode ser desenvolvido para sanar essas barreiras do sucesso.

Assim, sua empresa consegue utilizar os recursos disponíveis de maneira mais eficiente e garantir a competitividade frente ao mercado.

Conclusão

Por fim, vimos que a Matriz BCG é uma ótima maneira de pensar estrategicamente e obter uma visão analítica de como seu portfólio de produtos ou serviços está desempenhando.

Vimos que o ideal é que os produtos se encaixem como vacas leiteiras. Mas, é importante lembrar que não é recomendável, de maneira alguma, depender apenas desse quadrante.

É necessário oferecer em seu leque, produtos diferentes para que esses também possam trazer resultados positivos para a organização. Sendo assim, sempre deixe a porta aberta para sugestões de consumidores e colaboradores sobre possíveis novos produtos ou serviços!

Desse modo, relacionando ao lançamento de novos produtos, nós da Dinâmica Consultoria podemos te ajudar! Oferecemos um serviço de Plano de Negócios, o qual visa analisar o mercado em que sua empresa está inserida para auxiliar nas tomadas de decisão, evitando prejuízos.

Dividido em duas frentes, operacional e financeira, o serviço proporciona o desenvolvimento do produto, estruturando os processos, além de estruturar os investimentos e realizar uma projeção de fluxo de caixa, garantindo uma assertividade na abertura do negócio.

Você pode conhecê-lo por completo e detalhadamente clicando aqui! Para entender melhor sobre esse tema, você pode baixar nosso e-book gratuito sobre Plano de Negócios!

Além disso, não se esqueça de baixar nosso modelo gratuito de Matriz BCG clicando aqui! Caso tenha ficado com alguma dúvida ou queira saber mais, entre em contato conosco para traçarmos as estratégias necessárias juntos!

Por: Fernanda Garcia

14 / 103

Deixe uma resposta

Required fields are marked